curso de marcenaria - banquinho escher

R$799,00

curso o fazer: da teoria à prática

objeto de estudo: banquinho escher

R$ 799 ou 4x R$199,75

valor do material incluso

limite de vagas: 5 vagas


resumo

este curso será realizado em 2 dias e possui carga horária total de 14h. o aluno aprende sobre o projeto e execução do banquinho escher em madeira maciça tauari; tudo será feito à mão e ao final o aluno levará para casa sua peça; é indicado para maiores de 18 anos e não existem pré-requisitos.


curso rápido / 2 dias / 16h total

sábado 03/06 - 10h às 13h e 14h às 18h

domingo 04/06 - 10h às 13h e 14h às 18h


duração

2 dias - 03 e 04 de junho


local

carpintaria brasileira / sp

rua pretoria, 1175

vila formosa


descrição do curso

neste curso de introdução a marcenaria o aluno passará pela experiência de criação, em que o desenho será abordado e analisado até a execução, onde a manualidade é o foco principal; o aluno irá aprender sobre o pensar para a produção em madeira, preparo, corte, encaixe, fixação e acabamento; o objeto de estudo será o banquinho escher, produto desenhado por ricardo bueno exclusivamente para a galeria nacional; ao final do curso, o aluno poderá levar para casa o banquinho construído por ele mesmo.


cronograma

sábado 03/06 - apresentação do curso, tutorial de máquinas e início dos trabalhos;

domingo 04/06 - conclusão da montagem e acabamento.


sobre o banquinho escher

desenhado por ricardo bueno, diretor criativo e responsável pela curadoria da loja galeria nacional o banquinho escher é feito em madeira maciça tauarí e foi inspirado no artista gráfico maurits cornelis escher e suas criações; possui uma estrutura que a percepção é única ao observador, criando o espaço equívoco;


jonas ungaro / coordenador

autodidata, jonas trabalha com madeira há mais de 25 anos, tem uma vasta experiência na produção de móveis, artigos para casa, peças especiais e sempre esteve no chão de fábrica produzindo a quatro mãos, tanto para estúdios de design - estúdio cipó (brasil), studio swine (inglaterra) e o estúdio gt2p (chile) quanto para lojas - coletivo amor de madre, galeria nacional e cartel 011 a restaurantes - cateto e cantina conchetta. seu projeto atual é a úngaro cicles, se não a primeira, uma das primeiras bicicletas feitas em madeira no brasil.


ricardo bueno / coordenador

artista visual, formado pela belas artes de são paulo, com pós-graduação em pintura contemporânea, é sócio da galeria nacional junto com marcelo maia e filipe guedes; já realizou exposições e palestras além de ser co-fundador do estúdio cipó, criado em 2012; atualmente é responsável pela curadoria da galeria nacional, além de assinar as linhas exclusivas da marca; ganhou prêmio house & gift de design em parceria com rafael navogino, com a poltrona avante.

escreva um comentário

nota: O HTML não é traduzido!